Desporto

Participação conjunta portuguesa numa das maiores feiras de náutica do mundo

“Sea of Portugal” marca presença na BOOT 2016

Uma participação portuguesa conjunta com a marca “Sea of Portugal” vai marcar presença na boot 2016, a maior feira de náutica e desportos aquáticos do mundo que decorre de 23 a 31 de Janeiro, em Düsseldorf, na Alemanha.
POR ALGARVE EXPRESS
Tamanho da Letra: A-A+

Esta organização é da responsabilidade da Media 4U, empresa de edição e organização de eventos, em colaboração com o Jornal Notícias do Mar e o apoio da Messe Düsseldorf.

A iniciativa conta, até ao momento, com a participação de 13 instituições/empresas que representam vários sectores como Acessórios, Avistamento de Cetáceos, Cruzeiros, Marinas, Marítimo-turísticas, Mergulho, Surf, Turismo Náutico e Yacht Charters, provenientes do Douro/Porto, Lagos, Lisboa, Portimão e Vila do Bispo/Sagres, presentes em 3 pavilhões: Mergulho e Marítimo-Turísticas, Acessórios e Turismo Náutico. Destaque para a presença da Associação de Turismo de Portimão; Câmara Municipal de Vila do Bispo; Cape Cruiser; Divers Cape, Lda.; Feeldouro Yacht Charter; Mar Ilimitado, Turismo & Investigação; Marina de Lagos; Marina de Portimão; Ocean Revival; Palmayachts; PuraVida Divehouse, Dive School & Accommodation; SeaXplorer Sagres; Subnauta.

Segundo João Marques dos Reis, Director de Projectos da Media 4U, «trata-se do primeiro projecto organizado em Portugal com uma participação conjunta, no âmbito da internacionalização da Náutica. Com a participação das instituições e dos operadores locais e empresas parceiras, viabilizamos esta iniciativa diferenciadora e inovadora, à semelhança do que fazem tantos outros países como a Grécia, Croácia, Egipto e a Turquia».

Através da marca “Sea of Portugal” pretende-se «apostar numa presença com uma imagem comum e que divulgue a Portugalidade, bem como o orgulho que temos em ser Portugueses». Permite comunicar de forma mais assertiva e eficaz a oferta diversificada que os operadores portugueses disponibilizam ao nível dos desportos aquáticos e turismo náutico, num certame que na última edição registou mais de 240.000 visitantes e a presença de 2.200 jornalistas, provenientes de 40 países o que dá uma enorme visibilidade ao evento.

«Portugal reúne todas as condições para ser um país de eleição dos amantes do mar e dos desportos aquáticos. Temos de dar a conhecer a nossa vasta costa, os nossos rios e lagos que associados à nossa história, às belas paisagens e gastronomia única tornam-nos num país imperdível», adianta o responsável.

Esta diversidade de oferta está representada em cada um dos stands que convidam à descoberta e à experiência de um país de navegadores, através de vários elementos decorativos como a calçada portuguesa, as divisórias em tecido de forma triangular como as velas latinas e estruturas em madeira natural, inspiradas nos mastros dos barcos. O logótipo do “Sea of Portugal” reforça ainda o cariz marítimo do projecto, que é a sua âncora, através do uso das ondas do mar.

Mais sobre boot 2016

A boot Düsseldorf é a maior feira a nível mundial de barcos e de desporto náutico tornando-se, todos os anos em Janeiro, no ponto de encontro do sector completo. Cerca de 1.700 expositores, oriundos de mais de 60 países, apresentarão, de novo, as suas interessantes novidades, desenvolvimentos atraentes e equipamentos marítimos, de 23 a 31 de janeiro de 2016.

Sob o lema 360º de prática de desporto náutico, a boot demonstra, no seu formato de apresentação único, todas as formas de lazer que podem ter lugar na água. Sejam amadores de barcos e de iates, mergulhadores desportivos, wakeboarders ou pescadores – cada desportista náutico encontra na boot Düsseldorf, uma ampla oferta.47 por cento dos expositores não são de origem alemã, apresentando-se numa área de exposição equivalente a cerca de 50%. Tradicionalmente a lista de expositores estrangeiros é liderada pelos Países Baixos, a Itália, a França e a Grã-Bretanha. Pela primeira vez na boot encontrar-se-ão os Estados do Caribe Oriental completos, também chamados “ilhas acima do vento”, com destinos exóticos e atraentes como a Anguila, a Antígua e a Barbuda, as ilhas virgens britânicas, a Dominique, Grenada, Martinique, Montserrat, St. Kitts e Nevis, bem como St. Lúcia, St. Vincent e as Granadinas. Irão ainda participar o Egipto, os Açores, a Bélgica (Flandres), Curaçao, a Estónia, a Finlândia, os Países Baixos, a Croácia, a Turquia, Fuerteventura, as Filipinas, a Indonésia, Portugal e a Sardenha bem como as Ilhas Canárias.

Etiquetas: ,

Comentar

Todos os direitos reservados.

Diário Online Algarve Express©2013

Director: António Guedes de Oliveira

Design & Desenvolvimento por: Webgami