Ambiente

Municípios do Algarve reforçam financiamento do Dispositivo de Combate a Incêndios Florestais

POR ALGARVE EXPRESS
Tamanho da Letra: A-A+

No dia 01 de Julho foi assinado, na sede da Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL), um protocolo entre os 16 municípios do Algarve, a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), as 13 Associações Humanitárias de Bombeiros e a Federação dos Bombeiros do Algarve, no âmbito do Dispositivo de Combate a Incêndios Florestais, reforçando os meios técnicos e de protecção civil existentes na região.

De acordo com a AMAL, este protocolo irá permitir reforçar as compensações pagas aos Bombeiros que integram aquele Dispositivo Especial e que passam assim a receber 60,00€ por cada período de 24h (totalizando um acréscimo de 15,00€ aos 45 já pagos pela ANPC).

Segundo a mesma entidade, esta iniciativa “pioneira e que contribui para um dispositivo de resposta integrado e transversal que actua em contexto de região”, representa um investimento que ronda os 300 mil euros repartidos de igual forma pelos 16 concelhos algarvios.

O dispositivo de combate no Algarve vai contar, nos meses de Julho, Agosto e Setembro com 450 operacionais, apoiados por 114 meios técnicos e 3 meios aéreos. Serão igualmente constituídas 2 brigadas de reforço, num total de 28 bombeiros e 8 veículos, uma localizada no Sotavento e outra no Barlavento.

Etiquetas: , , , , ,

Comentar

Todos os direitos reservados.

Diário Online Algarve Express©2013

Director: António Guedes de Oliveira

Design & Desenvolvimento por: Webgami