Saúde

PSD/Algarve expressa preocupação pelas afirmações de caos no CHA

POR ALGARVE EXPRESS
Tamanho da Letra: A-A+

O PSD Algarve veio a público expressar a sua preocupação perante as afirmações da Subdirectora Clínica e de três directores de Departamento demissionários do Centro Hospitalar do Algarve, a qual teve lugar na Comissão de Saúde da Assembleia da República.

Os três clínicos enfatizaram que “o SNS no Algarve, em particular os cuidados hospitalares, registaram em 2016 os piores indicadores da última década com severos prejuízos para a saúde dos algarvios e que estão um caos.”

Continuaram afirmando que o impasse e a incerteza sobre o modelo a adoptar – se se mantém ou se desagrega – é “muito perniciosa para a instituição e põe em causa a qualidade e quantidade dos serviços prestados.”

Demonstraram desilusão, sua e da população, pelo facto “do Governo ainda não ter tomado qualquer iniciativa para resolver os problemas estruturais na região tal como tinha prometido”, acrescentando que “não se vislumbra qualquer solução dos problemas, pelo contrário”.

Para estes responsáveis clínicos, o facto de 10 meses após a tomada de posse dos responsáveis ainda não haver delegação de competências “revela a desorganização que grassa na instituição.”

Teceram ainda palavras de preocupação para o sub-financiamento que a instituição regista nos sucessivos contratos-programa “cuja tendência é o agravamento”.

E não quiseram terminar sem enfatizar o adiamento a que foi sujeito, por decisão do Governo, o novo Hospital Central do Algarve e a “importância dessa infra-estrutura para minorar a escassez de recursos humanos, em particular médicos de especialidades como ortopedia e pediatria, entre outras.”

Comentar

Todos os direitos reservados.

Diário Online Algarve Express©2013

Director: António Guedes de Oliveira

Design & Desenvolvimento por: Webgami