Entradas com Etiqueta ‘saúde’

Conversas com Barriguinhas sobre primeiros dias do bebé em Faro

Segunda-feira, 23 de Janeiro, 2017

As Conversas com Barriguinhas vão estar em Faro no próximo dia 26 de janeiro, às 17:00, no Centro Pré e Pós Natal da cidade. A participação é gratuita, devendo a inscrição ser feita online no site da iniciativa.

Sob o tema Os primeiros dias de vida de um bebé, este encontro terá a participação de Davina Ferreira, enfermeira especialista em saúde materna e obstetrícia, e contará com uma apresentação dedicada ao tema Criopreservação de Células Estaminais do Sangue e do Tecido do Cordão Umbilical por parte da Dr.ª Nelma Pereira, da Crioestaminal.

Esta é uma iniciativa de âmbito nacional que junta parceiros e especialistas em saúde materna para levar às famílias o esclarecimento acerca de temas importantes e diversificados como a amamentação, a alimentação na gravidez, a sexualidade, a criopreservação, os cuidados com o bebé e com os pais e as situações de risco, além de deixar alguns conselhos práticos sobre as várias fases do período de gestação.

Desde 2009 a percorrer Portugal, as Conversas com Barriguinhas são cada vez mais reconhecidas como sessões de informação pré e pós parto úteis aos mais de 5 mil pais que já nelas participaram. Com mais de 700 encontros previstos para 2017, este será um ano de enorme dinamismo e de crescimento da iniciativa, em que a promoção do bem-estar e a informação às famílias se manterão a principal prioridade.

Algarve promove avaliação gratuita à saúde do coração nas Farmácias Holon

Terça-feira, 29 de Novembro, 2016

Entre 28 de novembro e 3 de dezembro, as Farmácias Holon do Algarve associam-se à campanha europeia “Conheça a sua pulsação. Pode salvar a sua vida!”, com o objetivo de sensibilizar a população para a Fibrilhação Auricular, promovendo uma avaliação gratuita nas suas farmácias. (mais…)

Doença rara afeta cérebro em quase 100 por cento dos casos

Terça-feira, 25 de Outubro, 2016

Quase 100 por cento dos doentes com esclerose tuberosa apresentam sinais da doença no cérebro, sendo as manifestações mais frequentes a epilepsia ou as convulsões. Estima-se que em todo o mundo, entre 75 e 90 por cento destes doentes vão sofrer de epilepsia durante a sua vida e grande parte dos bebés com esclerose tuberosa têm um episódio convulsivo ainda no primeiro ano de vida. (mais…)

Fundação Grünenthal atribui prémios à investigação nacional na área da dor

Terça-feira, 20 de Setembro, 2016

A Fundação Grünenthal acaba de distinguir um grupo de investigadores portugueses pelos trabalhos desenvolvidos na área de estudo da dor, em Portugal. Os prémios vão ser entregues no dia 23 de setembro, às 17h, na Fundação Calouste Gulbenkian, numa cerimónia que vai ser precedida de um colóquio dedicado ao tema “Cognição e Dor”. (mais…)

Técnica minimamente invasiva evita cirurgia em idosos operados ao coração com problemas na válvula aórtica

Quinta-feira, 11 de Agosto, 2016

Milhares de Portugueses são operados anualmente ao coração. Muitos deles, ao fim de algumas décadas, enfrentam a necessidade de uma segunda intervenção e estão a ser adotadas técnicas de vanguarda para evitar as reoperações. O anúncio é da Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular (APIC) da Sociedade Portuguesa de Cardiologia e surge no âmbito do Dia Mundial dos Avós que se celebra a 26 de julho. (mais…)

Doentes com síndrome de dor regional complexa menosprezados em Portugal

Terça-feira, 9 de Agosto, 2016

A síndrome de dor regional complexa é uma condição dolorosa constante e incapacitante, que afeta as extremidades dos membros superiores e inferiores, e que está associada a uma elevada taxa de abandono laboral e isolamento social. Os médicos consideram que a doença é subdiagnosticada e subtratada em Portugal e os doentes menosprezados. (mais…)

Mais de 10% da população tem alergias ou erupções solares

Quinta-feira, 4 de Agosto, 2016

Em mais de dez por cento da população, o sol pode provocar reações cutâneas que se podem acompanhar de uma comichão intensa. O dermatologista Rui Tavares Bello, do Hospital Lusíadas Lisboa, revela que “quando não é tratada, esta alergia pode provocar profundo desconforto, mal-estar acentuado e um impacto psicológico negativo”. (mais…)

“Hospital S. Gonçalo de Lagos” nas praias com rastreios gratuitos e jogos para crianças

Quarta-feira, 3 de Agosto, 2016

De 23 de Julho a 21 de Agosto a Unidade Móvel de Saúde do “Hospital S. Gonçalo de Lagos” vai estar presente nas praias do barlavento algarvio e litoral alentejano com a realização de rastreios gratuitos e com jogos interactivos para crianças. Quem quiser pode fazer avaliações da pressão arterial, glicémia e do índice de massa corporal. (mais…)

Mais de 500 pessoas participaram na Primeira Corrida do Coração

Terça-feira, 26 de Abril, 2016

A Sociedade Portuguesa de Cardiologia (SPC) em parceria com a Câmara Municipal de Loulé e a Associação de Atletismo do Algarve realizaram hoje, no âmbito do seu congresso anual a Primeira Corrida do Coração de 10 km e uma caminhada de 5km, em Vilamoura. (mais…)

Fibrilhação auricular causa um terço dos AVC

Terça-feira, 26 de Abril, 2016

A fibrilhação auricular, doença que afeta 200 mil portugueses, é responsável por 1 em cada 3 Acidentes Vasculares Cerebrais (AVCs), representando um risco maior do que fumar, ter diabetes ou não fazer exercício físico. Esta perturbação do ritmo cardíaco é mais comum nas pessoas com mais de 40 anos, mas como é frequentemente assintomática as pessoas desconhecem que estão em perigo.

O AVC relacionado com a fibrilhação auricular é o mais debilitante tendo um risco de morte duas vezes superior comparado com os não relacionados. Estima-se que a fibrilhação auricular aumenta em 50 por cento o risco de incapacidade após um AVC e que está associada a um aumento de 20 por cento da estadia no hospital e a uma diminuição de 40 por cento da probabilidade de alta.

Um maior conhecimento da fibrilhação auricular, e do seu diagnóstico precoce, a ênfase na prevenção e no tratamento do AVC relacionado com esta doença, alicerçado em recomendações baseadas na evidência, a melhoria dos cuidados continuados destes doentes, a implementação de registos nacionais, o acesso atempado ao tratamento adequado, constituem a melhor via para proporcionar cuidados de saúde de qualidade aos doentes com fibrilhação auricular, e, em simultâneo, reduzir a enorme carga económica resultante dos AVCs associados a esta doença.

O AVC, principal causa de morte em Portugal, ocorre quando um coágulo entope um vaso sanguíneo no cérebro impedindo a passagem de sangue e consequentemente de oxigénio, comprometendo áreas do cérebro que controlam faculdades como movimentos, a fala, entre outras. As doenças vasculares cerebrais são a principal causa de morte e a 3ª principal causa de morte prematura em Portugal.

A fibrilhação auricular é a perturbação do ritmo cardíaco crónica mais frequente, afetando aproximadamente 6 milhões de pessoas na Europa, 8 milhões na China e 2,6 milhões nos Estados Unidos da América.

A Associação Bate, Bate Coração, uma instituição sem fins lucrativos, tem como objetivo clarificar mitos e verdades sobre as arritmias cardíacas e fibrilhação auricular.

*Cardiologista e Presidente da Associação Bate Bate Coração

Entradas mais antigas »

Todos os direitos reservados.

Diário Online Algarve Express©2013

Director: António Guedes de Oliveira

Design & Desenvolvimento por: Webgami